Voltar

Primeira-dama e secretário de Agricultura conhecem frigorífico que comercializa 15 mil quilos de peixe por ano

A primeira-dama do Município, Silvana Lo Masson, juntamente com o secretário municipal de Agricultura, Rogério Rio, conheceram nesta terça-feira, 09, um importante trabalho de piscicultura desenvolvido na região da Comunidade Linha 12, em Tangará da Serra, pelo produtor Dirceu Munhoz Silveira. Ele atua na área desde 2001 e em 2005 fez a ampliação dos tanques, […]

Publicado em 10/02/2021

A primeira-dama do Município, Silvana Lo Masson, juntamente com o secretário municipal de Agricultura, Rogério Rio, conheceram nesta terça-feira, 09, um importante trabalho de piscicultura desenvolvido na região da Comunidade Linha 12, em Tangará da Serra, pelo produtor Dirceu Munhoz Silveira. Ele atua na área desde 2001 e em 2005 fez a ampliação dos tanques, aumentando a capacidade de produção.

O frigorífico, único abatedouro de peixes licenciado pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente, com o SIM, que é o Serviço de Inspeção Municipal, e cadastrado no sistema do Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso, o INDEA/MT, comercializa em média 15 mil quilos de peixes por ano.

As principais espécies de peixes produzidas na propriedade são o pintado e o tambacu, que abastecem o mercado local. Além disso, parte dos peixes produzidos no local são fornecidos, através de chamada pública, para escolas e hospital do Município.

De acordo com Dirceu, a capacidade é de produzir até 20 mil quilos/ano, entretanto, o preço da ração tem sido um empecilho para aumentar a produção. Segundo ele, em 2020 as vendas aumentaram em função da alta no preço da carne bovina. Além do peixe, na propriedade ainda é produzido mamão.

A primeira-dama destaca que a propriedade segue um padrão rigoroso de produção, o que traz qualidade e excelência ao produto. “Foi uma satisfação conhecer o frigorífico e a parte de criação de peixes, um negócio sério, rentável e padronizado”, falou.

Alexandre Rolim/Assessoria de Comunicação